NOTÍCIAS

08/11/2017
Com apoio do Senai e Sindivest, indústrias de uniformes apresentam produtos no Sebrae

Com a participação de 12 indústrias e 39 clientes, foi realizada, na terça-feira (07/09), na sede do Sebrae-MS, em Campo Grande (MS), a 1ª Rodada de Negócios da Indústria de Uniformes de MS. O evento, que teve o apoio do Senai e do Sindivest/MS, foi uma oportunidade de encurtar a cadeira produtiva e tornar o preço mais competitivo para vendedores e compradores.

Segundo a diretora-secretária do Sindivest-MS, Juliana Aranda, que também é proprietária da RU Uniformes, a Rodada de Negócios representa a realização de um sonho para o segmento. “Era um sonho do Sindivest/MS reunir as indústrias de uniformes para apresentarem seu produto e aumentarem a competitividade. Em um momento de crise, como o que estamos vivendo, é muito importante que haja ações como essa, de fomento à indústria”, destacou.

De acordo com a gestora de projetos de varejo e indústria da moda do Sebrae-MS, Daniela Rodrigues, a Rodada de Negócios foi pensada para proporcionar um momento entre compradores e vendedores, focando no começo de 2018, quando a procura por uniformes aumenta, principalmente por escolas. “Então trouxemos a indústria de uniformes de Mato Grosso do Sul para vender para todos os outros setores que o Sebrae atende, então é uma oportunidade de fazer novos clientes e novos negócios. E também já vamos preparando as compras para 2018”, explicou.

A consultora do CTV (Centro de Tecnologia do Vestuário) do Senai Empresa, Hanna Viana, reforçou que o evento traz vantagens tanto para as indústrias como para os clientes. “Para as empresas vendedoras, é uma oportunidade de ter um primeiro contato com potenciais compradores. Já para as empresas compradoras, é a chance de conhecer novos fornecedores”, disse.

Empresários

A empresária Maruce Yanamine da Cunha, da Kaeru Camiseteria, elogiou a realização da 1ª Rodada de Negócios da Indústria de Uniformes de MS. “É um momento muito importante para termos o primeiro contato com o cliente e para que ele conheça nossos produtos pessoalmente de uma forma mais acessível”, disse.

Já a empresária Rubya Couto, da Top Imagem Estamparia, afirmou estar com boas expectativas. “Ao todo são 39 compradores convidados para participarem do evento, então é uma excelente oportunidade de apresentarmos nossos produtos e gerar bons negócios”, declarou. 

Para o empresário André Luiz Elias, da Uniformes da Moda, a rodada de negócios é uma importante iniciativa para driblar o momento de crise. “Reunindo no mesmo ambiente indústrias e compradores, a possibilidade de geração de negócios, de discussão de preços diretamente com o cliente é muito maior. Num momento de crise como esse, qualquer ação que gere mais oportunidades é bem-vinda”, ressaltou.

Gerente do restaurante funcional e empório Espaço Nutri, Adriana Morbi destacou a descoberta de novas empresas e produtos. “Estamos discutindo novos uniformes para nossa equipe e foi uma oportunidade para conhecer novas empresas e ver de perto o produto que elas oferecem. Muito melhor do que orçar pela internet ou pelo telefone”, comentou.

Já o executivo de negócios da Personal Card, Beto do Vale, ressaltou que a rodada de negócios permite que empresas vendedoras e compradoras otimizem o tempo. “Em uma tarde é possível essa rotação com vários fornecedores, conhecer de perto o produto de cada uma. Além disso, é possível aplicar a técnica de pregão eletrônico, discutindo com todas as empresas o melhor preço”, finalizou.

Estande

Paralelo às reuniões entre vendedores e compradores, a 1ª Rodada de Negócios da Indústria de Uniformes de MS ainda contou com um estande do Senai Empresa, que apresentou ao público presente os serviços e soluções oferecidos pela instituição para as empresas. Além disso, foi distribuído um guia desenvolvido pelo CTV do Senai para orientar os potenciais clientes sobre a escolha dos uniformes. 

“O cliente deve observar a demanda de cada setor e o tipo de atividade executada antes de escolher o uniforme, porque muitas vezes ele é escolhido aleatoriamente e pode não ser adequado para aquela função que a pessoa vai fazer. O guia é para orientar o comprador sobre a escolha do modelo, do tecido”, completou a consultora do CTV do Senai Empresa.

 

Mais informações de serviços e apoio para sua empresa ligue (67) 3324-1963 ou WhatsApp  
 +55 67 99869-2449